A Operação REPLAY foi desencadeada nesta data (14)) pela Força-Tarefa Previdenciária do Maranhão (FTP/MA), composta pela Polícia Federal, pelo Ministério da Previdência Social e pelo Ministério Público Federal, com a finalidade de reprimir o crime previdenciário no Estado.
A operação tem a finalidade de dar cumprimento a 21 (vinte e um) mandados judiciais – 06 (seis) de prisão preventiva, 04 (quatro) de condução coercitiva e 11 (onze) de busca e apreensão – todos expedidos pela 2ª Vara Federal da Subseção de Imperatriz/MA, requeridos pela Polícia Federal, com parecer favorável da Procuradoria da República, que estão sendo executados nas cidades de Imperatriz/MA e Estreito/MA.

As investigações, iniciadas em maio do ano passado, levaram à identificação de uma organização criminosa, com atuação principalmente na cidade de Imperatriz/MA, falsificando documentos públicos e declarações de exercício de atividade rural, para fins de ajuizamento de ações previdenciárias perante a Subseção Judiciária de Imperatriz/MA, para obtenção de benefícios previdenciários, mais notadamente de natureza rural.

Fonte: Blog da Kelly

by 19:32 0 comentários