O vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos e das Minorias, deputado Wellington do Curso (PPS), participou, no último sábado (11), do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense que promoveu a “Expedição Itans", que teve como objetivo apresentar o empreendedorismo com a piscicultura em Itans, povoado situado no município de Matinha, distante a 222 km da capital maranhense. 

O parlamentar, que tem se mostrado atuante na defesa de políticas de geração de emprego e renda para a população maranhense, aproveitou para conhecer de perto o modelo de empreendimento que, segundo ele, já é referência para o mercado nacional e internacional: a piscicultura, atividade de criação e/ou reprodução de peixes em condições naturais ou artificiais, com finalidade de subsistência ou econômica.

"Levo hoje comigo um exemplo de empreendimento que nos faz ter a certeza de que a geração de emprego e renda não é algo impossível de ser alcançado em nosso Estado. Prova disso é a piscicultura em Itans, que tem uma produção média que alcança cerca de um milhão de toneladas de pescados por ano. Mais do que uma atividade ou programa, estou em defesa de políticas públicas que zelem pela geração de renda, concedendo emprego ao pai de família, aos jovens e à toda população maranhense, concretizando assim o elementar direito de vida digna e combatendo ao que ainda hoje é um dos nossos inimigos: a miséria", afirmou.

by 15:29 0 comentários