A prefeita de Itinga, Vete Botelho, embarcou nessa segunda-feira (25) para a Capital Federal, onde está participando da XVII Marcha dos Prefeitos a Brasília em Defesa dos Município. O evento é coordenado pela CNM – Confederação Nacional dos Municípios e esse ano tem como tema principal “O desequilíbrio federativo e a crise nos municípios” e reuniu mais de quatro mil prefeitos durante os quatro dias do evento.
No primeiro dia do evento, após o credenciamento, aconteceu o debate do primeiro tema: “Os desafios da implementação dos Consórcios Públicos Municipais”, que discorreu sobre o fato de que nos últimos anos os municípios têm recebido cada vez mais demandas em relação as diversas áreas da gestão como saúde, educação, cultura, saneamento, estrutura e demais setores locais, exigindo assim o cumprimento de soluções de problemas constantes, que só aumentam devido aos encargos repassados. Nas Arenas Temáticas foram debatido temas como: Fonte de arrecadação para o município, Ações internacionais municipalistas e Mulheres seguras (Projeto União Europeia-CNM).
No segundo dia do evento (26), após a sessão solene de abertura com a presença da presidente da república, Dilma Roussef; do presidente da CNM, Paulo Ziulkoski; Ministros de Estado, entre outras autoridades, vários temas importantes foram debatidos como: Reforma Política; Financiamento da Educação Municipal e Plano Municipal de Educação, bem como outros assuntos de relevância para os municípios. Porém, a tecla mais batida durante o evento foram os cortes do governo federal em setores de suma importância para os municípios como a saúde e a educação. 
O evento se encerra nessa quinta-feira (28) no Centro Internacional de Convenções do Brasil com o Encontro Municipalista das Regiões brasileiras (Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul), que tem como objetivo integrar Associações e Federações Municipalistas com as demais associações, conhecer suas iniciativas e compromissos, bem como informar-se sobre os eventos regionais.

A prefeita Vete acha importante a união e participação dos prefeitos na Marcha, já que essa é uma oportunidade ímpar de debaterem junto as autoridades federais sobre a real situação dos municípios brasileiros tão penalizados com os constantes cortes nos recursos por parte do governo federal.

by 08:36 0 comentários