Secretário Neto Evangelista e equipe de trabalho em reunião com lideranças comunitárias do povoado Teso discutem construção de estrada.

O secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista, recebeu, na manhã desta quarta-feira (3), lideranças comunitárias de Anajatuba, para discutir um pedido para o Governo do Maranhão construir estrada que fará a ligação entre a sede do município e o povoado Teso. A estrada deverá ter 12 quilômetros de extensão.

O povoado abrange, atualmente, cerca de 14 ilhas, que são comunidades separadas por campos alagados. A região é caracterizada pela forte produção de mel, pescado, gado e agrícola, além de arranjos produtivos locais, que são conglomerados de diferentes atividades rurais. A construção desta estrada, devido a sua importância social e econômica, é uma reivindicação antiga das famílias moradoras da região.

O pedido da comunidade Teso objetiva potencializar a produção agrícola, de apicultura e o turismo da região, que já são atividades exploradas economicamente naquele povoado; viabilizar o escoamento de toda a produção; e permitir melhores condições de acesso à infraestrutura de saúde e educação a todos os moradores da comunidade, retirando-as do isolamento, sobretudo em períodos chuvosos.

Para Antônio dos Santos, liderança que representou o povoado Teso durante a reunião, a melhoria no acesso dos moradores até a sede facilitará, principalmente, a situação financeira, de educação e de saúde da população. “Hoje em dia, quando as pessoas ficam doentes, elas têm que ser transportadas em redes ou nos lombos de animais até os hospitais municipais, porque não tem estrada para entrar ambulância ou carros. Os estudantes que precisam ir para a sede assistir aula, tem muita dificuldade de chegar até Anajatuba e a produção agrícola não tem por onde sair, prejudicando o sustento de várias famílias que vivem da agricultura. Precisamos dessa estrada, ela vai melhorar muito a vida do povo do Teso”, declarou o líder comunitário.

Antônio acrescentou que a própria comunidade tem feito esforço para garantir que os alunos não parem de assistir aula. “Eu estou cedendo a minha casa para que o professor que ensina as nossas 72 crianças fique a semana inteira no Teso e não precise enfrentar o acesso difícil todos os dias até Anajatuba. Ele só volta pra casa no fim de semana”, contou.

O secretário Neto Evangelista reconheceu a extrema importância da solicitação e anunciou o envio de uma equipe técnica para realizar avaliação sobre a atual situação da estrada que liga o povoado Teso à sede. “Queremos conceder melhores condições de vida para todos os maranhenses, principalmente, quando se trata da subsistência de atividades produtivas, que geram ocupação e renda. Então, vamos providenciar a avaliação técnica a fim de que possamos apresentar soluções imediatas para os problemas enfrentados pela comunidade do Teso e regiões vizinhas”, assegurou Neto Evangelista.
A equipe técnica da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes) deve ir ao povoado Teso até o próximo dia 15 de junho, a fim de iniciar as avaliações necessárias.

Ascom SEDES MA



by 22:14 0 comentários