Um avião monomotor com sete pessoas a bordo caiu em cima de uma casa, na rua Frei Machado, no Jardim São Bento, zona norte de São Paulo. Todos os ocupantes da aeronave morreram, segundo o Corpo de Bombeiros. As vítimas ainda não foram identificadas, mas já se sabe que são quatro homens e três mulheres.

Os cinco moradores da casa atingida saíram correndo pelos fundos e não sofreram ferimentos graves. Um vizinho ajudou no resgate.

O avião modelo CA-9, prefixo PR-ZRA, pertence a Roger Agnelli, ex-presidente da Vale, de acordo com a Anac.
O acidente aconteceu por volta das 15h20, segundo os bombeiros, pouco depois de a aeronave decolar com destino ao aeroporto Santos Dumont, no Rio. Um vizinho da casa onde ele caiu ajudou no resgate dos corpos.
"Os corpos achados estavam dentro da fuselagem [do avião]. A gente acredita que as vítimas estavam todas dentro da aeronave", afirmou o major dos bombeiros Henguel Ricardo Pereira.
"Os corpos estão muito prejudicados. Talvez com trabalho de pericia consiga identificar [as vítimas]", disse.
"Vi o avião decolando e deu para perceber que ele estava mais baixo do que o normal. Aí ele perdeu altura e bateu na casa", disse Toni Sargologos, 46, que trabalha com construção civil.
O local do acidente fica a menos de 200 metros do aeroporto Campo de Marte, que opera com aviação geral, executiva, táxi aéreo e escolas de pilotagem.
Depois da queda, a aeronave explodiu. A casa ficou carbonizada, assim como um carro que estava perto do local. Ainda há fogo e fumaça no imóvel. Quinze carros dos bombeiros trabalham na ocorrência.
Informações de fotos da Folha de São Paulo

by 23:20 0 comentários