Em pronunciamento na tribuna da Câmara Federal, o deputado Hildo Rocha (PMDB/MA) destacou o encolhimento do PIB maranhense. O parlamentar ressaltou que durante o governo Roseana Sarney o Estado registrou taxas de crescimento de até 12%. Segundo Rocha, o bom desempenho da ex-governadora, no que se refere ao desenvolvimento econômico do Maranhão, deve-se à política de incentivos por meio da qual o Maranhão despertou o interesse de grandes indústrias que se instalaram no Maranhão, entre as quais se destacam: Suzano (celulose); Eneva (Usina termelétrica do Itaqui); Votorantim e Queiroz Galvão (cimento); Gusa Nordeste; Ambev; Schincariol; Complexo Avícola da Notaro Alimentos (Balsas) e Frango Americano, entre outros empreendimentos.

Retrocesso
O deputado enfatizou que, em apenas um ano de governo, Dino conseguiu a proeza de fazer o Maranhão ficar 5% mais pobre. “O governo de Flávio Dino não tem politicas públicas para o setor empresarial. Assim, infelizmente o Maranhão ficou 5% mais pobre já no primeiro ano do governo comunista”, afirmou.

Promessas ao vento

Hildo Rocha afirmou que Flavio Dino não cumpre as promessas de campanha. “Dino é um péssimo governador. Está expulsando os empreendimentos e com isso tem aumentado o número de desempregados em nosso estado”, declarou.

by 09:48 0 comentários