Em visita à Região Tocantina, neste fim de semana, o deputado federal Hildo Rocha (PMDB/MA) participou de eventos alusivos ao 34º aniversário de emancipação política do município de Estreito além de inspecionar obras construídas com recursos do Fundo Nacional da Saúde (FNS) e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) ainda sem utilidade em Imperatriz. O deputado esteve ainda na cidade de São João do Paraíso onde se reuniu com lideranças políticas, comunitárias e sindicais daquela cidade.

UPA

Em Imperatriz, o parlamentar visitou o prédio onde já deveria estar funcionando uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). “Estou exercendo uma das atribuições de deputado federal. Essa é uma obra financiada com dinheiro do FNS. Portanto, tenho o dever de zelar para que os recursos sejam utilizados corretamente. Infelizmente a obra está pronta há bastante tempo, mas sem nenhuma serventia para a população. Já estive com o prefeito Sebastião Madeira e o deputado Leo Cunha no Ministério da Saúde para cadastrar a UPA. Ficou tudo acertado para que o Ministério da Saúde repassasse o dinheiro para a manutenção, mas o governador Flavio Dino se comprometeu a bancar o funcionamento daquela unidade de saúde com dinheiro do estado e até agora nada”, revelou o deputado.

Inauguração

No município de Estreito, Rocha participou, ao lado do prefeito Cicin(PMDB) da inauguração da Quadra Poliesportiva Antonio Cavalinni; visitou lideranças; se reuniu com a vice-prefeita da cidade, Maria Cristina Mendes; e teve encontros com alguns pré-candidatos a vereadores.

São João do Paraíso

No município de São João do Paraíso, onde foi recepcionado pelo prefeito José Aldo, Hildo Rocha participou de encontro com lideranças e empresários da cidade. Na oportunidade Rocha ouviu reivindicações e sugestões da população acerca de iniciativas que poderão ser postas em prática em favor da população local.

Balanço

Nas entrevistas concedidas a diversos veículos de comunicação da região, Rocha falou sobre o processo de impeachment da presidente Dilma; criticou o desempenho do governo Flávio Dino e reafirmou o compromisso de continuar honrando o mandato. “Em vez de governar Flávio Dino passa o dia tuitando e discutindo com internautas. É por isso que a educação está caótica, a saúde péssima e a segurança pública um desastre”, destacou.

Epidemia de dengue

Segundo o parlamentar, Dino diminuiu os investimentos na saúde preventiva atitude que contribuiu para o aumento dos casos de Dengue, Zica e Chikungunya. “Há, no Maranhão, uma epidemia de doenças transmitidas por mosquitos aedes aegypti. Os hospitais estão abarrotados e os profissionais da saúde não podem atender bem porque o governo não oferece condições de trabalho adequadas. E, como consequência, a população está sofrendo e morrendo por irresponsabilidade do governador”, enfatizou.

Obras Atrasadas

O deputado visitou também os prédios da nova delegacia regional e do hospital Macrorregional de Imperatriz. Segundo o parlamentar já deveriam estar servindo à comunidade. Rocha enfatizou que o prédio do hospital macrorregional já deveria estar pronto desde o começo do ano passado. “Em dezembro de 2014 visitei essa obra, assim como a estrada do arroz, com a governadora Roseana Sarney. O prédio já estava quase pronto. Os engenheiros da obra disseram que em dois meses, no máximo, a obra seria concluída. Da mesma, forma os técnicos que tocavam a estrada do arroz afirmaram que em três meses a estrada estaria pronta”, disse.

Rocha afirma que o Governador Flavio Dino manobrou para atrasar a obra, prejudicando assim toda a população de Imperatriz e região. “A governadora Roseana deixou o dinheiro no BNDES para pagar todas essas obras. Vou marcar uma visita ao BNDES para cobrar celeridade na conclusão destas e de centenas de obras que o governador Flavio Dino optou por atrasar o cronograma”, afirmou Hildo Rocha.

Impeachment

Acerca do impeachment da presidente Dilma o parlamentar disse que é irreversível. “A acusação, contra a presidente, está muito bem fundamentada, o processo está bem instruído, os argumentos do dr. Hélio Bicudo, fundador do PT, são inquestionáveis. Dilma cometeu crime de responsabilidade, ela infringiu o Artigo 85 da Constituição Federal. A lei é clara, não deixa dúvidas”, declarou.

O deputado disse ainda que os reflexos dos atos da presidente estão afetando a economia. “Em média 150 mil brasileiros estão sendo demitidos por mês. Já são 12 milhões de desempregados. Dilma perdeu a credibilidade. O mercado não acredita mais na presidente do nosso país”, destacou Hildo Rocha.

by 20:53 0 comentários