Estimular a boa gestão financeira nos âmbitos profissional e pessoal foi o foco do curso ofertado para proprietários de lojas de materiais de construção
Sete empresas tiveram representantes qualificados.No fim do mês de julho mais uma turma será capacitada.

Em tempos de crise, gerir corretamente os recursos disponíveis é fundamental. Além das finanças pessoais, quem possui um empreendimento precisa controlar cautelosamente as receitas de sua empresa. Pensando nisso, o Sebrae, por meio de sua regional em Açailândia, promoveu entre os dias 04 e 08 de julho, na cidade de Itinga do Maranhão, o curso de Gestão Financeira na Medida para proprietários de lojas de materiais de construção.

A realização do curso atende à solicitação da classe empresarial da cidade, por meio da Câmera de Dirigentes Lojistas (CDL). Esses empresários puderam conhecer instrumentos, mecanismos e informações sobre a boa gestão financeira, com ênfase na projeção sobre fluxo de caixa, formação de preço, análise de resultados dos empreendimentos, de modo a planejar investimentos e ações futuras, tanto em âmbito profissional quanto pessoal. 

O curso proporcionou, mesmo para aqueles comandam empresas a algum tempo, novas perspectivas e soluções para seu negócio. “Agora tenho condições de gerar e analisar relatórios financeiros, sabendo quanto crescendo e o que preciso melhorar”, conta a empresária Ana Carla Lunardi. Ela administra a loja de materiais de construção da família há dois anos.

No mercado há 17 anos, a empresa possui atualmente 10 funcionários. A gestão do caixa sempre foi um desafio para a empresa e que agora, com essa qualificação, poderá ser superado. “O controle efetivo dos recursos de caixa gerará melhores resultados para nossa loja”, afirma a empresária.

Rodrigo Lucena, gestor de projetos do Sebrae, destaca que o curso de Gestão Financeira é um dos mais solicitados pelos empreendedores. “Esses empresários buscam o gerenciamento satisfatório dos recursos disponíveis, o que tem se acentuado, principalmente, na atual situação financeira do país”, explica Lucena.

by 19:54 0 comentários