O Prefeito Juscelino Oliveira, acompanhado de Vereadores, Secretários Municipais, Diretoria do CEA (ACIA SICA e CDL) estiveram reunidos no gabinete da Prefeitura Municipal de Açailândia com membros da diretoria da SUZANO PAPEL E CELULOSE. A reunião teve o objetivo principal de esclarecer alguns pontos sobre os empreendimentos, os projetos que a Empresa Suzano Papel e Celulose, desenvolverá em Açailândia, assim como também nas cidades vizinhas que fazem parte da nossa região.

Buscando solução para os impactos sociais especialmente sobre a garantia de emprego e renda para nossa população, o prefeito avaliou o encontro como positivo, classificando assim a reunião com os representantes da SUZANO. Tudo dependerá do bom relacionamento que será desenvolvido nesta parceria entre prefeitura e a própria SUZANO. Juscelino Oliveira ficou satisfeito com esta primeira conversa e contato, por entender que o município, poderá ser beneficiado com os investimentos que serão desenvolvidos para o nosso município, e claro para toda a nossa região.

Anteriormente a esse primeiro contato mencionado acima, esse problema já havia sido discutido e apresentado pela classe empresarial a toda imprensa local, assim como ao Prefeito Juscelino Oliveira, que na ocasião demonstrou grande preocupação e interesse sobre a grave situação que poderá passar o município com a rescisão de contrato de mais de 1.200 trabalhadores da siderúrgica Vale do Pindaré, que perderão seus empregos até o final do ano, sendo eles, a maioria pais ou arrimos de famílias.

Juscelino Oliveira disse que a venda da siderúrgica vai causar sérios e graves problemas para o município, ocasionando um impacto ambiental e também a questão do desemprego. O gestor irá buscar soluções junto ao Governo do Estado, reunindo-se com entidades, técnicos da área florestal e do Meio Ambiente para fazer um estudo e análise desta situação e posteriormente buscar orientação do Governador Flávio Dino. 

“Uma vez que a Suzano ainda não havia nos procurado, fomos buscar os devidos conhecimentos e direitos jurídicos e em seguida procuramos a diretoria da empresa Suzano, para analisar a proposta. Reuniremos-nos também com a diretoria do consórcio COMEFEC, além de prefeitos de: Buriticupu, Bom Jesus das Selvas, Santa Inês, que também serão afetados com a venda da siderúrgica, e isso, significa dizer que, cerca de 10 mil pessoas devem ser atingidas com estas medidas e hoje está acontecendo este encontro com a empresa Suzano”, finalizou o prefeito Juscelino.

by 13:12 0 comentários