Afastado das funções de delegado da Polícia Federal desde 2012, Pedro Meireles foi demitido pelo Ministro da Justiça Alexandre de Moraes. A Portaria nº 1.353/2016 foi publicado no Diário Oficial da União de sexta-feira (9).

O agora ex-delegado foi enquadrado nas penas das infrações disciplinares previstas no Artigo 43 da lei 4.878/65 e do Artigo 132 da Lei 8.112/90, com seus respectivos parágrafos.
Meireles atuou fortemente nas operações de combate à agiotagem no Maranhão e sempre esteve à frente de operações contra prefeitos maranhenses, efetuando prisões em conjunto com a Controladoria Geral da União (CGU).

No entanto, com o assassinato do jornalista Décio Sá, em 2012, a Polícia Civil e a própria PF descobriram que o delegado costumava fazer uma seleção de alvos de operações conforme interesses de um grupo que tinha como integrantes o agiota Gláucio Alencar, apontado como mandante do assassinato de Décio Sá, e o advogado Ronaldo Ribeiro.

by 08:19 0 comentários