Uma ossada humana foi encontrada por volta das 9h15h de quinta-feira (13), na praia do Sassoitá, em Cedral, no mesmo local em que o ‘barco fantasama’ Baraka apareceu misteriosamente e encalhou.

A ossada foi encontrada por Geraldo Nascimento Mota, de 60 anos, residente no povoado São Bento. Imediatamente ele informou à guarnição da Polícia Militar de Cedral, através de ligação telefônica. No relato, ele disse que alguns pescadores do povoado teriam encontrado um corpo sem cabeça na praia de praia.

Os policiais foram de barco até o local, onde constataram a veracidade do fato. No local, estava só ossada sem o crânio, com ossos espalhados pelas imediações, a uma distância de aproximadamente 2 km do Barco Baraka, que atracou misteriosamente na praia há cerca de um mês.

A praia de Sassoitá é deserta, afastada da cidade. Para chegar até ela, é preciso que seja feita a travessia de um pequeno canal por meio de qualquer embarcação, normalmente a motor, que reduz o tempo gasto.

O delegado regional foi informado e a ossada foi removida do local para ser encaminhada ao IML de São Luís para tentar fazer a identificação.

by 18:26 0 comentários