Policiais militares assassinados,

Foram presos na noite de terça-feira (30) os suspeitos do assassinato do cabo Júlio César da Luz Pereira e do soldado Carlos Alberto Constantino Sousa, policiais militares que estavam desaparecidos desde o dia 17 de novembro de 2016, no município de Buriticupu, a 420 km de São Luís.

Segundo a polícia, eles teriam sido assassinados por outros militares. Dentre eles, um tenente e um major da Polícia Militar, que não tiveram as suas identidades reveladas.

A prisão dos suspeitos atendeu ao pedido da delegada Nilmar da Gama Rocha à Justiça Militar, que decretou a prisão dos acusados. A representação é da Polícia Civil, que concluiu as investigações do caso.

O juizado de Buriticupu se fez por incompetente para o caso por ele se tratar de crime militar e deu o caso para a Justiça Militar, que decretou as prisões dos envolvidos.

Conheça o caso

O cabo Júlio César da Luz Pereira e o soldado Carlos Alberto Constantino Sousa foram vistos por último na quinta-feira, no dia 17 de novembro do ano passado, e estão desaparecidos desde então. De acordo com informações, os dois foram vistos saindo juntos em uma caminhonete L-200 Triton preta, de propriedade do Soldado Alberto.






by 08:54 0 comentários