Principio de Incêndio em Hotel, no centro da cidade

No início da noite desta quarta-feira (26), a equipe do corpo de Bombeiros foi chamada para atender um pedido de “socorro” de uma empresária, proprietária de um hotel localizado no centro da cidade.

De acordo com informações, o incêndio teve início no quarto piso do prédio, ocasião em que começou uma correria e pedidos de socorro por pessoas que se encontravam no interior do prédio naquele momento, entre elas, hóspedes e funcionários.

A equipe do corpo de bombeiros foi acionada pela proprietária do hotel que se encontrava trabalhando na recepção. Com a chegada da equipe de socorristas, a área foi isolada e em seguida tomadas as primeiras providências para que o incêndio não tomasse maiores proporções.

Soldados do Corpo de Bombeiros constataram que o incêndio teve início em um dos apartamentos do quarto piso. Um colchão de cama estava em chamas. Os socorristas trataram de apagar o fogo e controlar o incêndio que felizmente, com a intervenção dos bombeiros não aconteceu nenhuma tragédia, apenas danos materiais.

Um homem que não teve acesso ao elevador chegou a inalar muita fumaça, foi socorrido e levado às pressas para Unidade de Pronto Atendimento – UPA., onde recebeu os primeiros socorros, foi medicado e está fora de perigo.

As causas incêndio não foi revelada pela equipe de bombeiros e aos poucos tudo voltou à normalidade. Uma equipe técnica visitará o local para fazer uma perícia e constatar o que causou o incêndio.

Graças à equipe do Corpo de Bombeiros, o incêndio não teve como se alastrar. Sem a ajuda dos Bombeiros Militares, o quarteirão inteiro poderia amanhecer em cinzas, uma vez que na localidade, os estabelecimentos comerciais são colados uns aos outros e existem muitos materiais inflamáveis, o que facilitaria o aumento das chamas.

Depois de controlar a situação, a mesma equipe de bombeiros foi chamada para atender outra ocorrência de incêndio, desta vez no Pólo do Empreendedor. Antigo Pólo Moveleiro, na Vila Ildemar. Ao chegar na localidade a guarnição impediu que outro incêndio destruísse toda a área do “Pólo Moveleiro”. No local existe muita madeira serrada, móveis e pó de serragem, o que facilitaria para que o fogo transformasse tudo em cinza.

Há três anos atrás, para a população de Açailândia, vítimas de incêndios ser socorrida por uma equipe de bombeiros, era preciso fazer o pedido para a cidade de Imperatriz, distante 72 quilômetros de Açailândia, esperar cerca de duas ou mais horas até a equipe de bombeiros chegar e se chegasse. Enquanto se esperava as vítimas se viravam como podia para apagar o fogo com baldes d´água ou pagar um carro-pipa.

Esta situação só pôde ser revestida e deixou a população mais tranquila em 2015. Através de um pedido (requerimento) e empenho do deputado Sérgio Vieira (PEN), em parceria com o prefeito Juscelino Oliveira (PCdoB), é que foi possível definitivamente a instalação do Corpo de Bombeiros Militar de Açailândia.

Com a fixação desta Guarnição na cidade, muitas tragédias e prejuízos já foram evitados dentro do município e cidades circunvizinhas, que pertencem a regional de Açailândia.

Por Antônio Maria

by 17:20 0 comentários